Resumo dos orixás cultuados na Umbanda é só clicar sobre o nome do orixá para ver as informações

Oxala / Oyá / Oxum / Oxumaré / Oxóssi / Obá / Xangô / Egunitá / Ogum / Yansã / Obaluayê / Nanã / Yemanjá / Omulu

Obaluayê

Evoluir significa crescer, aprimorar, lapidar, transformar, crescer mentalmente, passar de um estágio a outro, ascebder em uma linha de vida de forma contínua e estável. Significa uma renovação contínua do ser, uma reposição constante de valores, deixando para trás conhecimentos ultrapassados, hábitos e costumes inadequados, atitudes e posturas velhas e decadentes. Significa procurar continuamente o movimento e a estabilidade em nossas vidas. Pai Obaluayê é o orixá que atua na evolução dos seres. Pai Olorum que tudo cria e tudo gera, criou as qualidades de estabilidade e evolução. Sem estabilidade nada se sustenta e sem transmutação tudo fica parado. A estabilidade proporciona o meio ideal para os seres viverem e na mobilidade são gerados os recursos para que eles evoluam.  Pai Obaluayê é o senhor das passagens, de um plano a outro, de uma dimensão a outra, do espírito para a carne e vice-versa. É o orixá da cura, do bem-estar e da busca de melhores condições de vida.

 

Trono Masculino da Evolução - Obaluayê é o orixá que atua na Evolução e seu campo preferencial é aquele que sina- liza as passagens de um nível vibratório ou estágio da evolução para outro.

Obaluayê - Divindade de Umbanda, é o Trono Masculino da Evolução, irradia Evolução o tempo todo de forma passiva, não forçando ninguém a vivenciá-la, mas sustentando a todos que buscam evoluir. Fator transmutador. Orixá Masculino que junto a Omulu reina no cemitério, por ser o Senhor das Almas. Também muito evocado como Orixá da cura, já que é o senhor das transformações e das passagens, tem facilidade de levar do estado doentio ao estado saudável. Elemento terra, presente no Mar e cemitério. Obaluayê: “ Rei das Almas do Ayê”, “ Senhor das Almas”. É considerado um Orixá velho, ancião, coberto de palha da costa. Na Umbanda é sincretizado com São Lázaro.
Oferenda: Obaluayê é oferendado com velas brancas; vinho rosé licoroso, água potável; coco fatiado coberto com mel e pipocas; rosas, margaridas e crisântemos, tudo depositado no cruzeiro do
cemitério, à beira-mar ou à beira de um lago.

Água de Obaluayê para lavagem de cabeça ( amaci): Água de fonte, rio ou lago, com folhas de louro e manjericão maceradas e curtidas por três dias.

Saudação: Atotô Obaluayê!

Comemora-se no dia: 16 de agosto.
Cor: Violeta ou branco e preto.
Elemento: Terra.
Pedra: Turmalina.
Minério: Cassiterita.
Hora: 24 horas.
Chacra: Esplênico.

 

Oração evocatória de Obaluayê

Com as graças de Olorum, o senhor do altíssimo.
Peço que meu pai Obaluayê trono todo poderoso da evolução, vibre e irradie suas forças no meu corpo, na minha mente, na minha alma e no meu coração.
Que sempre me direcione no caminho reto da evolução divina, e me proteja e oriente para que eu sempre saiba usar da melhor maneira a sua essência divina.
Hoje me apresento como seu fiel filho e me abro para os quatro cantos sagrados, para que vós entreis com toda sua força na minha morada e que eu aprenda e sustente sua potência maior por toda a minha vida terrena.
Ofereço-me para ser um veículo de sua irradiação sempre que julgais necessário.
Peço-te que com tua força transmultadora, transforme minha vida em todos os sentidos.
Agora te ofereço esta pedra e esta guia que para todo o sempre será tua pedra e tua guia, que ficarão junto a mim com sua toda e poderosa essência telúrica.
Agradeço meu pai Obaluayê por me acolher no seu grandioso rebanho de filhos de fé e me cobrir com seu manto violeta sagrado.
Salve grande mistério dos mistérios!
Salve teu reino telúrico!
Salve grande trono da evolução!
Salve raio de luz violeta divino!
Saravá Obaluayê !(Atotô Obaluayê!)

Obaluayê pode ser evocado para abrir caminho, transformar energias, para curas físicas ou espirituais, trazer clama, serenidade.  Firme uma vela branca ou violeta faça uma prece direcionada ao nosso amado Pai Obaluayê.

 

Reza ao Pai Obaluayê

Amado pai Obaluayê, evoco e peço sua benção e a irradiação de vossa luz. Faça com que eu busque cada vez mais, os bons ensinamentos, sentimentos e atitudes que me leve e me conduza à luz do nosso Divino criador. Impeça-me de sucumbir e praticar atitudes impensadas e capacite-me com a humildade e compreensão para ajudar nossos irmãos . Agradeço por suas graças  Salve Olorum, Salve Obaluayê, Salve a linha dos pretos-velhos Atotô Obaluayê!!